Componentes Curriculares

Componentes Curriculares
Alta resolução +
Consultar

Ensinar esporte, ensinando a viver

João Batista Freire
ISBN: 978-85-7706-078-8
ed. 208 p.
Este livro traz profundos ensinamentos sobre o esporte educacional em benefício a todas as crianças e jovens deste país. O autor, que trabalhou muitos anos com jovens atletas, narra, com entusiasmo e sensibilidade, como aprender a ser professor e, sobretudo, a gostar de ensinar, com reflexões e relatos sobre sua própria maneira de agir no sentido de fazer do esporte uma contribuição para a vida de milhares de alunos com quem conviveu. Ele defende que o esporte educacional não deve ter por objetivo principal buscar talentos ou formar atletas campeões. Sua finalidade é formar alunos vencedores na vida pelos ensinamentos que o esporte lhes propicia.
  • Sumário
    Apresentação

    Tornei-me professor para ensinar e aprender
    Nasce a Elni

    Na pedagogia do convívio, o esporte é um veículo
    Ensinando além das pistas

    Dar aula é difícil
    Alunos são mais que alunos, são seres humanos

    Ensinar para além do esporte
    A função pedagógica do buraco no muro

    O esporte não é um caso à parte
    A seleção precoce é excludente e injusta

    Muito mais do que correr e saltar
    O aumento da autoestima

    Nem só a razão ao ensinar
    A coragem para mudar

    A vida é algo para celebrar
    Oportunidades para educar não faltam

    Agregando procedimentos pedagógicos
    a um projeto de mundo

    Tragédias que não deveriam acontecer

    Educar é também combater o mal
    Festivais e prepotências

    Experiência do professor e surpresas de tocaia
    Vencedores em lugar de campeões

    Aprender esporte brincando de fazer esporte
    Tragédias e comédias

    Escola por si só não basta, é preciso ensinar bem!
    Medalhas devolvidas

    A seleção e a exclusão desrespeitam
    o direito do esporte para todos

    Até a festa da vitória pode ofender

    Ensinar esporte ensinando a viver
    Esporte educacional

    A musa do esporte
    Uma enorme distância

    A descoberta de cada um
    Brincadeiras e aprendizagem

    O envolvimento emocional do professor
    Sensibilidade e preconceito

    A boa educação é um escudo
    Educar pessoas e não formar atletas

    Epílogo: o esporte é direito de todas
    as crianças e jovens

    A Associação Sambernardense de Atletismo

    Uma equipe e tanto...

    Sugestões de leitura

     
  • Trecho
    As autoridades responsáveis pela formação de jovens para o esporte, ligadas a governos ou empresas, raramente compreendem que a melhor maneira de formar, inclusive, os atletas de mais alto nível, é ensinar a todos. O Brasil deveria ter um projeto governamental que objetivasse ensinar esporte a todos, sem exclusões, sem discriminações. É terrível para um jovem ver-se discriminado e excluído do esporte após ser comparado com outros de mais talento. Se ensinássemos a todos, além de reconhecer um justo direito que todos têm de aprender esporte, teríamos também, em meio a tantos, aqueles que poderiam ser campeões. Os campeões não poderiam ser o objetivo maior de um projeto esportivo, mas sim o detalhe de um grande projeto de educar um povo. É muito óbvio o interesse das crianças e jovens no esporte. Quando os chamamos para fazer esporte, quase todos querem, entregam-se voluntariamente. Esse é o aluno perfeito, aquele que quer aprender. Ora, se, ao ensinar esporte, ensinássemos também mais que o esporte, isto é, ensinássemos as coisas que serão boas para uma vida independente, teríamos um belo projeto educacional. A realidade é que a esmagadora maioria de quem passa pela formação esportiva nunca será atleta de alto nível. Será gente comum: estudantes, trabalhadores, políticos, artistas. Se forem bem tratados no esporte, serão amigos dele, farão de tudo para que o esporte exista, cresça, faça bem para todos. Essa gente comum que passa pela formação esportiva, compreenderá, com o tempo, que aquilo que aprendeu servirá para muitas coisas: para se divertir no tempo livre, para fazer amigos, para ter mais saúde, para ter uma melhor percepção própria, e assim por diante. São muitos os benefícios para quem aprende esporte tanto do ponto de vista dos benefícios pessoais quanto dos benefícios sociais, esportivos.

Sugestões de outros títulos:

carregando...